segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

2009: O ano da Júlia


Et voilà, cá estamos no novo ano. As previsões foram superadas. Estes dias deram tempo para tudo. Para organizar a festa da passagem de ano, para dançar, para comer bem e muito, para provar novos vinhos, para tocar e abraçar os amigos, para rir, rir e rir muito até perder o ar, para sentir a Júlia mexer, para subir e descer as calçadas do Porto, para observar os troncos despidos das árvores, para contemplar o mar agitado, para organizar roupas de bebé, para conversar até de madrugada, para partilhar afectos, para ouvir fado, para fotografar grafitis, para sermos de novo crianças, para nos perdermos nos cafés, para espreitarmos as lojas, para nos abrigarmos da chuva forte, para irmos a museus, para fazermos planos, para nos esquecermos da vida. Que vontade de congelar o tempo!
Resta-nos recordar e esperar que 2009 continue tão bem como começou.

4 comentários:

Esteva disse...

Um amen ateu para os teus desejos, que são os meus também. Beijinhos!

Venus as a boy disse...

Esteva, senti a tua falta. Um beijo grande para vocês!

Anónimo disse...

qué suerte haber podido participar de todo eso!, un abrazo para los dos regalito, y besos para todos.

Eugrávida disse...

Que bom saber que a Júlia e todos nós fazemos parte desse belo início de ano...