quarta-feira, 21 de setembro de 2011

A Casa da Ponta (prós amigos)

Quem a viu e quem a vê! Conheci-a maltratada pelo tempo e pelas mãos de quem acha que as casas arrendadas são unicamente dos senhorios. Mesmo assim, o seu charme era visível nas janelas que iluminavam as divisões interiores, nos soalhos longos e firmes, nas divisões amansardadas que pediam umas janelas para observar as estrelas, no seu corredor comprido e largo, nas madeiras pintadas inúmeras vezes, nos sobreviventes relevos do estuque da sala, nas escadas que nos empurram para o sótão e no acarinhado jardim/horta que espreitava lá fora. Anos mais tarde e depois de fins de semana e férias a fio aplicados na sua recuperação, feita a custos milimetricamente controlados e de muitos sacrifícios dos seus donos, eis que ressurge no seu esplendor. A Casa do Mestrinho está pronta para receber quem a queira amar, mesmo que por breves dias, semanas ou meses. Quem a viu e quem a vê!

2 comentários:

rosi.su disse...

uau!!!!
muito bom! não tem nada haver..

bjinhos
Susana

disse...

Brigada migo. Resta dizer que se arrenda por 350 € por mês e que se podem ver mais informações em http://casodomestrinho.blogspot.com/